<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5890420\x26blogName\x3dtorneiras+de+freud\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://torneirasdefreud.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://torneirasdefreud.blogspot.com/\x26vt\x3d6977037342804099436', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

5/27/2004

What a death! What a chance! What a surprise!
My will has chosen life!?


nestes últimos dias só me ocorre um pensamento obsessivo fixo na minha cabeça. e tudo se deve ao meu lufa-lufa pelos canais de tv, a ver se algum canal me surpreendia com alguma coisa ( pois, trash-lixo..ou.. vou fazer da minha tv, um aquário ...) até que parei num video de uma música com muitos sintentizadores (não sei se a cantora respirou ou era a máquina só a pulsar ). onde parei com comando, ela estava em cima de uns rochedos altos de frente para o mar, até que dá dois passos e cai no mar como um prego. e depois é filmado o impacto do corpo dela na água.o meu pensamento fixou-se no impacto na água. daquela altura para aquela profundidade. depois lembrei me de uma cena quase final do filme "The piano" de Jane campion, em que a protagonista principal estava num barco com outros e com o seu piano, até que houve um problema no barco e foi necessário que ela libertasse do piano. ela nao conseguiu despreender se do piano e prendeu seu ao tornozelo uma corda do piano, o que fez com ela fosse junto . dentro do mar, ela tomou a decisão, prevaleceu a vontade dela...