<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d5890420\x26blogName\x3dtorneiras+de+freud\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://torneirasdefreud.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://torneirasdefreud.blogspot.com/\x26vt\x3d6977037342804099436', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

11/23/2004

post deportado
post offline
post em blackout

11/22/2004




post encerrado para balanço




post demissionário
post em off shore
post em prisão domicilária
post em licença sabática
post suspenso por mau comportamento

11/20/2004

as incautas aventuras de jojó , o inefável
( ex-mordomo ,poeta rocher e detective gabardinesco)

jojó alcançara o sucesso , a fama e lola, a incrível mulher bolero.
depois de tamanhos e tão auspiciosos feitos,restava-lhe apenas uma demorada crise existencial.

é por entre volumes de schopenhaeur que vamos encontrar o outrora imberbe e promissor homem de letras.
tendo renunciado aos prazeres mundanos,depois de faustosos banquetes literários, onde não se furtou a incluir uma descarada azeitona nos meandros duma sextina, jojó aparenta a serenidade de um eremita, a tranquilidade de um paulo coelho e uma sapiência televisiva.

tendo optado pelo exercício austero da misantropia, jojó recusa-se dialogar com outro alguém que não a sua consciência.
para conseguirmos penetrar no secreto mundo jojoziano , foi-nos necessário recorrer ao auspicioso estratagema da heteronímia, sugerindo ao bardo kinder delice que não éramos senão um seu outro eu ,mandamento rimbaldiano que nos favoreceu com imediata adesão.

tendo como intuito devolver ao mundo literário a produção literária de jojó ( recordem-se momentos altos como a ode às jantes de liga leve, ou quiçá, as oitavas imortalizando a secção hortaliceira dos supermercados carrefour ),quisemos que o mestre nos ditasse algo .

jojó cofiou sua barba, acenou o indicador em direcção aos óculos, tossicou com deferência e sustentou :
_ caro heterónimo , entre brumas surgido, não é mais possível fazer literatura:inês é morta, os ferrero hibernaram e o semanário « dica da semana» encarrega-se de sugar afincadamente os talentos literários de nossa praça.não mais que a voz tenho destemperada...

e dito isto,jojó deixou que um fiozinho cristalino ondulasse desde a sua retina direita.suspirou e com uma voz embargada pediu-nos ainda:

_até tu , heterónimo ,até tu vens dos tenebrosos confins para me assombrar a existência.
quem,de entre as legiões kinder,me ouvirá?
agora,vai !não mais , que a voz tenho destemperada!

eburneamente empalidecido, jojó,o homem e o mito , sumiu-se por entre um pesado volume dos exercícios espirituais de inácio de loyola.



11/15/2004



Multiply is temporarily unavailable as we're performing some maintenance.We apologize for the inconvenience and expect the site to be available very shortly. Thank you for your patience!

malvados, quatro vezes malvados!

11/12/2004

tuning is not a crime*

se nos próximos dias, alguém me vier repetir que sou boazinha, posso ser obrigada a cometer um qualquer cídio.






* slogan constante em automóvel avistado na cidade de espinho

11/11/2004







melancolia incurável

e garanto que só vai passar quando chico buarque vier a portugal.


(acabei de transformar a casa ali do lado num aquário.deuses...depois queixo-me de inundações.)
autotelismo






capítulos estranhos da minha quotidiana existência( ou direi, insistência?)

depois de ,há cerca de dois meses, ter deparado com uma vela cor-de -rosa e um isqueiro à porta de casa(?????????), ontem foi a vez de uma chave na caixa do correio.
o meu bom-senso lógico -dedutivo imaginou que a dita chave estaria destinada a outra caixa de correio que não a minha.escrevi um papel, comunicando aos vizinhos o aparecimento da dita.
nada.não é de ninguém.

será que estou a ser alvo do enigma de alguma personagem minha,entretanto caída em olvido?sim, que isto de assombração de personagens tem que se lhe diga.

11/10/2004


nice blog, you very, very nice blog:

Your blog published successfully


( má frase,má frase
)

quer-me mui humildemente parecer que o blogger anda contribuir para a diminuição das quotas de voyeur em nossas praças bloguísticas.
como se explica que os nossos blogues sejam encimados por ordens de comando como « next blog, ou o tão nefasto « get your own blog»( que é como quem diz: deixa lá de ser abelhudo e, se gostas tanto de blogues,arranja o teu ,mind your own business).
isto não se faz.
preferia a publicidade anti-celulite.por isso ando tão mais cooperante com o sistema multiply,que coloca nas páginas pessoais anúncios simpáticos de detectives privados ou lava-olhos.
cor é poder

nada como este sol teimoso de novembro e uma camisola com todas as cores do arco íris para me devolver.
um destes dias ,faço como a personagm feminina de eternal sunshine of a spotless mind e pinto o cabelo de laranja.tenho a certeza que causa efeitos no psiquismo outonal.
teorias conspirativas *





e ainda mais :


PSY HOTLINE *


If you are obsessive-compulsive, please press 1 repeatedly.

If you are co-dependent, please ask someone to press 2.

If you have multiple personalities please press 3, 4, 5, and 6.

If you are paranoid-delusional, we know who you are and what you want. Just stay on the line so we can trace the call.

If you are schizophrenic, listen carefully and a little voice will tell you which number to press.

If you are manic-depressive, it doesn't matter which number you press. No one will answer.

Source: ?

11/09/2004

god bless ireland!


a irlandesa ryanair promete viagens do porto para londres por 9 euros !
o responsável que apareceu na televisão, publicitando a companhia, usava uma camiseta do futebol clube do porto.
ou seja:no porto, sê portista.
vou já ali fazer reserva!
de hoje em diante vou passar a ter saint patrick como meu único santo de devoção!

-joão...
-sim,teresa,diz.
-sabes...bem...
-o quê?
-arranhei o teu poema na terceira estrofe...
-eu sabia,eu sabia que não ias aguentar aquelas hipálages!
hic, haec, hoc

se eu dissesse que um ser alienígena recolheu consideráveis domínios da minha massa encefálica, para análises em plutão, eu estaria a descrever o mais aproximadamnte possível o meu estado mental.

11/05/2004

Multiply is temporarily unavailable as we're performing some maintenance.We apologize for the inconvenience and expect the site to be available very shortly. Thank you for your patience!
malvados,três vezes malvados!

11/04/2004

começou a saison dos posts com dedos arrefecidos

11/03/2004

a arbitrariedade sígnica do nosso descontentamento

prefiro ser especial ou especialista?
macaco come banana debaixo da cama

bush venceu as eleições.isso significa que paul auster deve andar à procura de um novo lar.
e que tal trocar as agitadas neblinas do hudson, pela pacatez piscatória de espinho?

11/02/2004

fuso horário
quer-me a mim parecer que a recente mudança horária me produziu algo como um efeito de jet leg.
p.s hoje apreendi como se vê o mundo imediatamente antes de uma queda.creio que desmaiei por um segundo.será possível?
a metafísica da minha vizinha é sempre melhor que a minha

havia dois relógios naquela casa e o mesmo espelho os reflectia.o tempo duplicaria , então?ou teríamos o mesmo efeito de uma dupla negação?
your search « peace of mind » is a non valid request.

11/01/2004

extra extra

este é um momento de total ineditismo blogosférico.um post a quatro mãos.sim,sim.nébia deslocou-se à mui piscatória cidade de espinho,prosseguindo estudos de carácter antropológico e aproveitou o ensejo para uma doméstica visita.

segue a sinfonia póstica opus 34 wbw:
garfo saltitante
cabide suicida
sofá sonolento
filosofia constipada
bola cortada
bolo estupefacto
régua desorientada
rua estomacal
piscina nocturna
peixes radiofónicos
chaleira mântrica
ovo espacial
garrafa musical
comboios esféricos
ronco espiral
circunferência atolada
triângulo balconista
moeda desejo
letra sem cabelo
nota avariada
capital ocular
selo desdentado
roda dentrífica
pente místico
shampoo celibatário
cachecol arco-íris
camisola bibliotecária
era bom que alguém lhe dissesse:ela não se tinha perdido , nem àquilo que efectivamente era. sim, tudo ficara turvo e em nenhuma palavra do mundo cabia o desajuste. mas seria a dança do espírito a cobrar-lhe outra vez,impiedosamente,tudo aquilo que a memória não perdoa .
um dia, outro abraço,outro mapa e para sempre o mesmo desastre.